Seduc discute em seminário PNAE e Agricultura Familiar

10/07/2019     Willame Lucas/Fotos: João Allbert

Ter cardápio mais regionalizado com produtos fortalecendo a segurança alimentar nas escolas foi um dos temas debatidos durante o 1º Seminário PNAE/SEDUC e Agricultura Familiar que acontece nesta quarta-feira (10), no Tribunal de Contas do Estado (TCE/PI). O encontro foi realizado pela Secretaria de Estado de Educação (SEDUC) em parceria com o Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição Escolar (CECANE) UFPI.


Participaram do seminário, secretarias de agricultura de 14 municípios piauienses, nutricionistas das GREs, sindicatos e instituições que apoiam a agricultura familiar para discutir o processo de aquisição de produtos oriundos da agricultura familiar pelo Programa nacional de Alimentação Escolar PNAE.

O secretário de educação, Ellen Gera, destacou que o encontro fortalece a articulação entre os setores para execução de recursos destinados a aquisição da merenda escolar junto aos pequenos produtores.

"As escolas da rede estadual recebem recursos oriundos do FNDE pelo PNAE e a lei permite que 30% do recurso destinado à aquisição de alimentos seja implantado na agricultura familiar. A ideia do encontro é poder apresentar o que tem na legislação vigente e montar uma articulação em âmbito estadual para que parte do recurso seja utilizado e discutir a problemática para facilitar a aquisição da agricultura familiar", disse o secretário Ellen. 


Presente também no encontro, o secretário de estado da Agricultura Familiar (SEAF), Herbert Buenos Aires, ressaltou a importância de fortalecer a parceria entre os órgãos do estado e o setor da agricultura familiar. 

"Este trabalho conjunto entre as secretarias permitirá uma virada no trabalho da agricultura familiar em que o agricultor passará a comercializar sua produção e com tendência a ampliação. Hoje, o consumo por parte das escolas é bom para os dois lados, pois os estudantes poderão consumir alimentos mais saudáveis e o agricultor familiar conseguirá uma renda regular diante da garantir de comercialização dos seus produtos", afirma o secretário.

Membro da cooperativa Fruto Daqui, que fornece polpa de frutas para as escolas do município de José de Freitas desde 2016, Francisco Antonio ressalta que a formatação da parceria trará mais vantagens ao agricultor. 

"A vantagem para o pequeno agricultor é o incentivo à agricultura familiar no desenvolvimentos dos municípios com impacto econômico e agregando o valor dos produtos que têm um destino certo na entrega da merenda escolar. A partir deste encontros esperamos a valorização dos nossos produtos", comemora.


SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI