Seduc conclui devolutivas de Avaliação Global da rede

12/07/2019     Hélder Rocha



A partir de um sistema moderno que permite analisar toda a rede de ensino, por meio do aplicativo Mobieduca.me, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) passou a realizar diagnósticos constantes dos principais desafios a serem superados. De posse dos dados da Avaliação Global Integrada (AGI), uma Caravana Pedagógica visitará todas as regiões do Estado visando a correção de déficits de aprendizagem dos alunos.

 

O diretor da Unidade de Ensino Aprendizagem da Seduc (UNEA), Clebe Gonçalves, explica que em 2019 a Seduc realizou a Avaliação Global Integrada das escolas da rede pública estadual, com estudantes do 5º e 9º ano do Ensino Fundamental e 3ª série do Ensino Médio, de 566 escolas. O momento atual é de entrega do relatório confeccionado a partir dos dados coletados.

 

"Com as devolutivas da primeira avaliação realizada, cumpriremos com o objetivo de promover o alinhamento das metodologias de aprendizagem e revisão das práticas pedagógicas das escolas. Entre 10 e 19 de julho a Caravana Pedagógica visitará todas as regiões do Estado com esse documento. A iniciativa faz parte do Pacto Pela Aprendizagem, que desenvolverá ações fundamentais para impulsionar a melhoria do desempenho educacional dos alunos da Rede Estadual de Ensino", informa o diretor.

 

A Caravana Pedagógica contempla a realização de oficina formativa de Devolutivas Pedagógicas da Avaliação Global Integrada, apresentadas nesta sexta-feira (12) pelo secretário de Estado da Educação, Ellen Gera Moura, com foco na melhoria das proficiências de Português e Matemática e de orientação técnico-pedagógica de replanejamento das ações.


 

Ellen Gera Moura esclarece que a avaliação é o pilar do mapa estratégico traçado pelo Pacto pela Aprendizagem. Uma nova sistemática que, por meio da utilização da ferramenta tecnológica do Mobieduca.me, como corretor de gabaritos, permite realizar rapidamente aplicação da AGI e uma rápida análise de toda a rede.

 

"Tínhamos como principais ferramentas de levantamento da rede o SAEPI (Sistema de Avaliação Educacional do Piauí), que é feito anualmente, e o SAEB (Sistema de Avaliação da Educação Básica), que aplica a Prova Brasil de dois em dois anos, servindo como base para o IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica). Agora estamos avançando com uma avaliação diagnóstica obtendo informações dentro do ano, permitindo as intervenções pedagógicas necessárias mais rapidamente", completa o secretário.

 


Participaram da primeira AGI, 34 mil alunos de 1.494 turmas de todo o Piauí. Após a entrega das devolutivas às Gerências Regionais de Educação e às escolas, será possível, ao iniciar o segundo semestre letivo, que todas as escolas façam uma reflexão com o direcionamento da Seduc na busca de melhorar todos os indicadores de aprendizagem, para que os alunos da rede se desenvolvam e que os resultados positivos coloquem a educação do Piauí em um lugar de destaque a nível nacional.

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI