Professores recebem suporte psicológico na Escola Hospitalar

06/02/2020     Claudia Bezerra

A Secretaria de Estado da Educação em parceria com Associação Piauiense de Combate ao Câncer, mantenedora do Hospital São Marcos, realizam a segunda etapa da formação dos professores efetivos da rede estadual de ensino e demais profissionais das áreas da Educação e Saúde, selecionados para trabalharem no projeto da Escolarização Hospitalar e Domiciliar do Estado do Piauí.


O primeiro momento da formação aconteceu em dezembro de 2019, e teve como objetivo proporcionar conhecimentos teóricos e metodológicos sobre a atuação do professor no contexto da Escolarização Hospitalar. "Este profissional necessita de uma formação multidisciplinar para desenvolver propostas pedagógicas flexíveis, no processo de ensino aprendizagem dos estudantes em tratamento de saúde", informa a Profª. Drª. Cineide Sousa, coordenadora estadual do projeto.



 

A coordenadora Cineide explica que os procedimentos metodológicos constaram de aulas expositivas, estudos de casos, estudos em grupo e individual, e outras atividades  necessárias ao desenvolvimento dos conteúdos ministrados.


 Neste segundo momento, acontece de fato a apropriação dos saberes teóricos e metodológicos no âmbito da Escolarização Hospitalar. "Oportunizamos aos participantes a prática de vivencias no hospital passando pelas etapas da avaliação psicológica individual, participação da simulação realística, observação e vivência prática nas enfermarias com o estudante em tratamento de saúde", revela a psicóloga Ana Tyara.

De acordo com Ana Tyara, o processo de formação dos profissionais para atuar no projeto é uma experiência única. "É um reforço a importância, não apenas do preparo técnico, mas também do preparo emocional para lidar com a realidade da pediatria oncológica e consequentemente proporcionar o sucesso das intervenções educacionais com esse público", comenta.


"Nesses meus 19 anos de estado já participei de muitas formações, mas esta foi a mais linda e tocante", declara a professora selecionada Patrícia Barros. "A capacitação contemplou todos os aspectos. Quero deixar aqui registrados os meus agradecimentos a todos. Cada um me passou uma segurança e principalmente uma vontade de aprender e ajudar. Tivemos uma intensa troca de experiências e principalmente de carinho".


 SAIBA MAIS

O primeiro momento teórico contou com 41 participantes, destes seis foram selecionados para a parte prática agora no mês de fevereiro. Os profissionais passaram pelas seguintes etapas:

 I - Avaliação Psicológica Individual

De uma forma geral, a avaliação psicológica pode ser definida como um conjunto de técnicas e procedimentos que tem o objetivo de verificar determinadas características psicológicas de uma pessoa. O objetivo da avaliação psicológica não é fazer julgamentos morais ou estabelecer critério de certo ou errado e sim buscar entender a partir de técnicas especificas as diferenças individuais, no que diz respeito às suas capacidades, habilidades, características de personalidade e comportamentos. O foco da avaliação psicológica voltou-se para atuação do professor na pediatria oncológica.

II - Simulação realística como metodologia de ensino e treinamento dos professores

A simulação embutida na formação dos professores possibilitou o desenvolvimento de  habilidades e competências necessárias em um ambiente hospitalar. Para possibilitar o ensino através da simulação realística foram utilizadas situações similares à realidade existente na pediatria oncológica e pacientes / familiares fictícios.

Dessa forma, a simulação realística funcionou como ferramenta na preparação dos futuros profissionais que enfrentarão desafios no ambiente hospitalar. Pois, ela permitiu o professor praticar as habilidades em um ambiente onde o erro é permitido. Assim, houve o ajuste das falhas e buscou-se promover o aprimoramento profissional, sem riscos à integridade dos pacientes.

III - Atividades nas Enfermarias

Objetivos psicológicos da atividade nas enfermarias: vinculação terapêutica e adaptação ao contexto hospitalar.

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI