Mais de 7 mil estudantes participam do Corujão da Vitória

01/11/2018     AsCom




Foram mais de 10 horas seguidas com as 12 aulas de revisão e os mais de 7 mil alunos que compareceram ao Corujão da Vitória se mantiveram firmes no Theresina Hall até o amanhecer. Às 05 horas da madrugada, a estudante Alana Barros não escondia o cansaço, mas também não pensava em desistir. "Vamos ficar até o fim. Apesar do sono, nossa vontade de obter uma aprovação é maior".

Esse era o sentimento de todos que compareceram à última revisão do Pré-Enem Seduc, programa de reforço escolar, oferecido pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), que pretendem fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Professor voluntário de redação em Parnarama, no Maranhão, Lucas Veloso desde o ano passado organiza caravanas às revisões. Desta vez, para o Corujão da Vitória, ele trouxe mais de 100 alunos, um número recorde. "Ano passado tivemos 90 por cento de aprovação, neste ano queremos manter ou até melhorar esse número. E as revisões do Pré-Enem Seduc tem nos ajudado nessa conquista", relata o professor.


Samantha Anjos foi uma das alunas que vieram do Maranhão especialmente para a última revisão. Eles enfrentaram mais de três horas de viagem, entre barco e ônibus, mas em nenhum momento ela se arrepende do esforço. "Estou concluindo agora o Ensino Médio aos 28 anos, tenho um filho de 14, e quero fazer Enem para Enfermagem. Isso mostra que é possível realizarmos nossos sonhos", diz a estudante que também é cabeleireira.

A revisão teve início às 20h e, à medida que iam chegando, os alunos iam recebendo o material didático que continha as questões trabalhadas durante a noite. "Nessa reta final é o momento dos bizús para que os alunos reforcem o conteúdo visto em sala", explica a professora de linguagens, Nereyda Áurea.

Na ocasião foi entregue, simbolicamente, aos alunos da república estadual o cartão Passe Livre, que contém quatro passagens de ônibus para serem utilizadas nos dias das provas do Enem. O bônus também faz parte do Pré-Enem Seduc e é um dos fatores responsáveis pelo Piauí ter conquistado a menor taxa de abstenção do Brasil por dois anos consecutivos no Enem.



O Secretário de Estado da Educação, Hélder Jacobina, juntamente com os coordenadores do programa, fizeram a entrega dos cartões aos alunos do Colégio da Polícia Militar, Liceu Piauiense e Ceti Didácio Silva. "Neste ano, serão mais de 6 mil alunos beneficiados com o Passe Livre e ano que vem vamos expandir ainda mais as ações do Pré-Enem Seduc", declarou Jacobina.

Todas as aulas tiveram tradução simultânea para a Língua Brasileira de Sinais (Libras) para que os alunos surdos pudessem acompanhar mais facilmente o conteúdo abordado, tanto presencialmente quanto pelas transmissões via TV. "Sabemos que vários alunos surdos acompanham nossas revisões, mas tem uma aluna da rede, em especial, que sempre confirma a presença em todas as revisões. Então, nos certificamos que sempre haja um intérprete de Libras para garantir a acessibilidade, ainda que fosse apenas para essa aluna", garantiu a professora Hildalene Pinheiro, coordenadora do Pré-Enem Seduc.

Entre uma aula e outra foram realizadas dinâmicas para que os alunos ficassem atentos e ao mesmo tempo não perdessem o foco. No decorrer do Corujão da Vitória foram sorteados 3 smartphones e 8 bolsas de estudo. "É uma maneira de fazer com que o aluno desperte e seja a própria atração", disse a coordenadora.


Após 7 revisões e outras ações do programa Pré-Enem Seduc ao longo do ano, o professor Wellington Soares, também coordenador do Pré-Enem Seduc, chega ao Corujão da Vitória, a última e maior revisão, com uma sensação de missão cumprida. "Nós estamos sentindo isso e que venham mais aprovações".

Quem não pôde ir à revisão, acompanhou ao vivo pelo Canal Educação, um programa de mediação tecnológica desenvolvido pela Seduc que atende 223 municípios do estado, onde em cada um deles há uma sala de aula destinada à transmissão por telões. E ainda ao vivo pela TV Meio Norte e pela Rádio Clube. "Nossa intenção era que todo o alunado fosse contemplado com essa última revisão", diz a professora Lourdinha Lopes, gerente do Canal Educação.

O Corujão da Vitória, apesar de ter como público inicial os alunos do 3º ano do Ensino Médio da Seduc, foi aberto ao público com entrada gratuita e direito a lanche e café da manhã, no fim da revisão.




SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI