Método de robótica educativa é apresentado na Seduc

13/01/2021     Willame Lucas

A tecnologia está revolucionando a educação com as novas formas de interação social e ampliando os métodos de aulas nas escolas, principalmente em razão da pandemia. A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) já vem investindo na sala de aula como ambiente propício para a fixação da cultura tecnológica, desde a adoção do ensino da robótica até a formação continuada dos professores na área.



Para ampliar o modelo da robótica no ensino, o secretário da educação, Ellen Gera, esteve com os representantes da empresa TRON e com o Gerente da Gerência de Tecnologia da Informação da Seduc, Ricardo Luiz, nesta quarta-feira (13), e conheceu o programa de Robótica Educativa TRON Live, inspirado no sucesso obtido pelo Método TRON, em escolas de todo o Brasil. 


Robótica Educativa 


O método é genuinamente piauiense e tem a versão desenhada para atender as demandas da rede pública adequadas à Base Nacional Comum Curricular (BNCC). A estrutura do Método TRON utiliza o modelo de robótica ativa voltada para o Ensino Fundamental e Médio. As aulas permitirão que os alunos sejam desenvolvedores e criadores, que solucionem problemáticas, aprendam conceitos de criação de robôs e soluções tecnológicas. 




O secretário Ellen Gera pontuou que a parceriaa adoção da metodologia de ensino permitirá a orientação das escolas no uso da plataforma de desenvolvimento da robótica e seguindo os novos itinerários formativos.


"A parceria agrega valor educacional ao ensino de robótica nas escolas integrado à BNCC, à proposta do novo currículo de ensino e aos itinerários formativos a serem implementados a partir de 2021 nas escolas. Neste novo cenário, o estudante do Piauí terá uma nova atividade de conhecimento educacional, incentivo ao empreendedorismo e alinhado a robótica educacional", destacou.


Com a adoção do programa, a startup TRON compartilha três eixos de estrutura: Material Didático: com livros, kits e insumos de robótica e fundamentação científica; Programa Pedagógico: a formação docente continuada, planejamento pedagógico e planos de aulas; Acompanhamento Digital: Plataforma EAD, Ambiente Híbrido e Vídeo Aulas para alunos e professores; Desenvolvimento de Projetos: projetos adequados à realidade local.



A startup atua no mercado educacional em 70 escolas, atingindo 15.000 estudantes, em 12 estados. Seu representante, Gildário Lima, destacou que com a adoção da metodologia, a expectativa é oportunizar o desenvolvimento de crianças e jovens de forma inclusiva digitalmente.


"Com a mediação da robótica educativa iremos avançar tanto nos requisitos da BNCC, como também inserir a cultura tecnológica em sala de aula. Poderão ser trabalhadas as dificuldades dos alunos de aprendizagem quanto a Matemática, Física e Química, como também colocar esses alunos em igualdade no cenário atual e retirando-os da exclusão tecnológica, como observado nesta pandemia", disse Gildário. 

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI