Escolas de Regeneração realizam intercâmbio cultural BR/MEX

12/07/2019     Marconni Lima


"Trabalhar perspectivas  para  as juventudes é a base do nosso projeto", afirma  o professor  Adonias  Freitas, um dos idealizadores da iniciativa do Centro de Educação em Tempo Integral (CETI) Aurora Barbosa de Oliveira, que em parceria com a Unidade Escolar Alberto Leal Nunes, realizou um intercâmbio cultural na conclusão do primeiro semestre do projeto "É do portão pra fora que a gente  se resolve".


Com o tema: "Como pensar as juventudes no Brasil e México: olhares significativos", o encontro contou com a participação do pesquisador mexicano Ivan Centeno, graduado em Sociologia pela Universidade Nacional Autônoma do México e integrante  da instituição La Victória Emergente. 


De acordo com o pesquisador, a importância do evento  consiste no trabalho de fortalecer os jovens por meio da educação. "O projeto é muito nobre e incrível porque trabalha com o que a comunidade mais necessita, a educação", ressalta Centeno.


"O projeto é muito interessante do ponto de vista sociológico por possibilitar um intercâmbio de ideias e experiências de incentivo nesse período tão difícil e tenso que é o período anterior ao ENEM. Foi um evento leve nas interações e profundo no conteúdo por meio dos debates", avalia o mestre  em políticas públicas pela UFPI e doutorando em Sociologia pela UECE e articulador do intercâmbio Marcondes Brit.   


A parceria  internacional colabora  para incentivar o pensamento  crítico de análise  das realidades  sociais a partir dos contextos  dois países e servirá  para a busca de resultados  exitosos.


 

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI