100% dos trabalhadores da Educação serão vacinados

04/06/2021     Ascom

O secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, anunciou o envio de vacinas para imunização de 100% do público de trabalhadores da Educação do Piauí. Os imunizantes foram repassados, nesta sexta-feira (4), aos 224 municípios.


Serão vacinados tanto os trabalhadores do ensino básico como do ensino superior. "Avançamos em uma das etapas mais importantes do nosso plano de imunização: a vacinação de todos os trabalhadores da educação do Piauí. Já tínhamos repassados, na semana passada, vacinas para 10% desse grupo e, hoje, vamos contemplar toda a categoria. Agora, fica a cargo dos municípios o planejamento do calendário e pedimos que seja o mais rápido possível", explica o gestor.Com vacinação de 100% dos profissionais da educação, a expectativa é que retorno ao chão da escola  aconteça no segundo semestre.


Com a vacinação de 100% dos profissionais da educação, a expectativa é que o retorno ao chão da escola aconteça no segundo semestre.

"Desde o início da pandemia, a Seduc vem trabalhando para garantir segurança aos profissionais e estudantes, seguindo todas as orientações do COE e autoridades de saúde. Nos últimos meses, trabalhamos junto à Secretaria de Saúde para viabilizar a vacinação dos professores e sempre defendemos a vacinação para todos os trabalhadores da educação, independentemente se é professor de Educação Infantil, Ensino Médio, EJA, Profissional ou Ensino Superior. A notícia que teremos vacina para imunizar 100% desses profissionais é muito importante para que possamos retornar ao chão da escola com mais segurança", destacou o secretário.

Ellen Gera ressaltou que o retorno das aulas presenciais irá acontecer de forma gradual, seguindo todos os protocolos sanitários.

"Mesmo com a vacinação, para a volta ao chão da escola será  necessário o cumprimento de todos os protocolos sanitários,  como uso de máscara, distanciamento social de 1,5 metro entre as pessoas, higienização dos espaços, aferição da temperatura e uso constante do álcool em gel. A autorização dos país também será necessária,  por que não será uma volta obrigatória. Voltaremos de forma gradual, adotando o modelo híbrido e mantendo as aulas remotas para aqueles que não se sentirem seguros", explicou.


Ao todo, 63 mil profissionais da educação devem ser imunizados em todo o Piauí. Cerca de 12 mil teresinenses que atuam como profissionais da educação devem ser imunizados, segundo dados da Fundação Municipal de Saúde (FMS).








Todas as vacinas enviadas, nesta sexta-feira (4), são utilizadas na primeira dose. A Secretaria de Estado da Saúde realiza a entrega dos imunizantes da Pfizer, que foram destinados a 7,1% de pessoas com comorbidades, 7,1% de gestantes e puérperas com comorbidades e 7,1% de pessoas com deficiência permanente. As doses da vacina CoronaVac/Butantan foram repassadas aos municípios para a vacinação, em segunda dose, de 30% do grupo de gestantes e puérperas com comorbidades.

"Esta decisão faz parte de uma resolução da Comissão Intergestora Tripartite, em nível nacional, que reorganiza o Plano Nacional de Imunização. Com essa medida, o Piauí está se preparando para abertura do grupo da população geral de 18 a 59 anos, a depender da disponibilidade de vacinas por parte do Ministério da Saúde", destaca o superintendente de Atenção Primária à Saúde e Municípios, Herlon Guimarães.


As doses da AstraZenecas/FioCruz contemplarão 90% dos trabalhadores da educação do ensino básico, 100% do grupo de trabalhadores da educação do ensino superior, 100% da população privada de liberdade, 100% dos funcionários do sistema de privação de liberdade, 100% das pessoas em situação de rua, 16,7% do grupo de comorbidades e 16,7% do público de pessoas com deficiências permanente.

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI