Grêmio estudantil do Liceu é reativado após 6 anos

09/11/2017     Hélder Rocha

  

Após 6 anos sem grêmio estudantil, os alunos do Colégio Estadual Zacarias de Góes, o Liceu Piauiense, elegeram nesta terça-feira (7) a nova diretoria Grêmio Estudantil Liceu Livre. A Secretaria de Estado da Educação (Seduc), com o objetivo de incentivar o protagonismo juvenil vem apoiando a reformulação e implantação de grêmios estudantis nas escolas da rede estadual de ensino, por meio das ações da Supervisão de Grêmios Estudantis - SUGRES.

 

Segundo Hedson Barata, supervisor de Grêmios, o trabalho teve início em janeiro e já superou as expectativas da Seduc. "Nossa meta era inicialmente implantar 17 grêmios, mas já temos cerca de 70 grêmios estudantis em escolas de todo o Estado. Nossa expectativa era observar uma melhoria de pelo menos 40% nessas escolas e hoje já ultrapassamos essa meta. Temos alunos comprometidos com a educação, entusiastas e que auxiliam na gestão", afirma.

 

No Liceu eram duas chapas concorrentes, saindo vitoriosa a Chapa 1, com 412 votos, presidida por Rafyzza Vieira, 16 anos, natural de São José dos Basílios, interior do Maranhão. A posse aconteceu nesta quinta-feira.

 

"Sou estudante, capacitada para o cargo de presidente do grêmio estudantil, responsável e comprometida", comemorou Rafyzza.

 

Além de dar voz oficial às demandas estudantis dentro da gestão escolar, o grêmio é importante por oportunizar aos jovens agir politicamente e conciliar opiniões por meio do diálogo.

 

Os alunos recebem uma formação para atuar nos grêmios estudantis, aprimorando a sua capacidade e protagonismo. Os estudantes realizam palestras, atividades culturais e contribuem com a escola, de modo geral. 



SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI