Familiares acompanham atividades de bolsistas do Bolshoi

07/05/2018     Willame Lucas/Fotos: João Allbert


Seguindo o cronograma de acompanhamento as famílias e permanência dos estudantes piauienses que são bolsistas do curso técnico em dança clássica da Escola Bolshoi em Joinville, aconteceu na tarde desta segunda-feira (7), reunião que já faz parte da rotina dos pais/responsáveis pelos bolsistas atendidos no projeto e as equipes da Secretaria de Estado de Educação (SEDUC) e Secretaria Municipal de Educação (SEMEC).



No primeiro momento aconteceram os repasses de informações gerais sobre o projeto. Seguindo com as informações sobre os bolsistas, quanto ao cotidiano da Casa Social do Piauí, espaço  onde moram com a Mãe Social do Projeto Bolshoi, Professora Eusilene Ferreira, e as demandas programadas pelas Instituições.




"Realizamos a segunda reunião, que acontecem bimestralmente e que são previstas no nosso cronograma com as famílias repassando as informações do inicio das atividades escolares em Joinville (SC), tanto na Escola Bolshoi, quanto na escola formal. Ainda nesta reunião os familiares receberão as datas para o atendimento individualizado e as visitas domiciliares", informou a técnica da Gerência de Inclusão e Diversidade da Seduc, Amparo Veloso.


Neste terceiro momento o projeto disponibiliza o relatório de acompanhamento, com o enfoque no desenvolvimento escolar e do cotidiano da Casa Social dos bolsistas quanto das famílias que estão aqui em Teresina. Recentemente a Assistente Social da SEMEC, Ana Célia Vieira, esteve na Casa Social do Piauí realizando o estudo social com os bolsistas visando a melhor orientação e participação das famílias no Projeto. 




As informações, além de socializadas com as famílias, são necessárias ao  acompanhamento realizado pela 1ª Vara da Infância e da Juventude, quando dos encontros e audiências com os pais/responsáveis pelos bolsistas. 


Ao todo, 7 estudantes, 3 da SEMEC e 4 da SEDUC foram selecionados para a segunda turma no último teste nacional visando a formação em balé profissional. Benedita Barbosa de Andrade, mãe da aluna Izabela de Andrade dos Santos, que participa do projeto a quatro anos revela a importância para os familiares deste retorno de informações quanto a vivência dos filhos em Joinville.


"É importante esta resposta das instituições. Sempre estamos sendo informados quanto ao convívio dos adolescentes, nos finais de semana temos o contato por telefone e qualquer situação é notificada. Nós temos que ter a segurança de que lá esteja tudo bem com eles. No início ficamos apreensivas, pois Izabela, ela foi com doze anos, e agora com quinze anos, é gratificante vê-la, só temos saudade", revela a mãe da bailarina.




SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI