Alunos do Pronatec alertam sobre os perigos das drogas

05/02/2018     Ranielly Veloso


Para muitos, o caminho das drogas pode ser sem volta, mas ainda há esperança. Principalmente quando há formação técnica para lidar com dependentes químicos não só no ambiente clínico. Antes de tudo, o melhor remédio é a educação.

Dentre as várias opções de retratar a realidade do mundo das drogas, os 25 alunos do Ceti Profª Júlia Nunes, que fazem o curso de Reabilitação de Dependentes Químicos pelo Pronatec/MedioTec, escolheram a arte. Em uma peça de teatro eles conseguiram mostrar os efeitos indesejados que as drogas lícitas e ilícitas causam a uma comunidade. Ao mesmo tempo, abordaram as formas de prevenção e tratamento.



A professora Yana Lopes, orientadora do Pronatec/MedioTec da 21ª Gerências Regional da Educação (GRE), esclarece que o trabalho foi o resultado do primeiro semestre do curso. Para a realização do projeto, eles usaram como tema a "Publicização de informações sobre o uso de drogas lícitas e ilícitas: suas consequências", com o objetivo de integrar os conteúdos e conhecimentos das disciplinas aos alunos.


Os alunos decidiram apresentar o trabalho em duas partes. Na primeira eles explicaram o tema em palestra junto com a exibição de entrevistas em vídeo, além da presença de um psicólogo para interagir com a família e os demais jovens presentes.


O projeto, que integra várias áreas, envolveu os professores: Leandro Paz (Português); Maria Célia (Ética e Cidadania); Larissa Alves (Anatomia Humana); Raimundo Nonato (Projeto de Vida); Nayane Caroline (Psicologia).


A Seduc, por meio do MedioTec, ação do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), oferta o curso técnico de Reabilitação de Dependentes Químicos, que tem duração de dois anos, em concomitância ao ensino médio regular para alunos matriculados nas escolas públicas do estado do Piauí.



SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC
Av. Pedro Freitas, S/N - Bloco D/F - Centro Administrativo
CEP: 64.018-900 - Teresina - PI